O que é o Novo Rural?

riorural
O meio rural brasileiro já não é mais o mesmo

Novo Rural é um termo cunhado pelo professor José Graziano da Silva, diretor-geral da FAO, que defende a ideia de que as áreas rurais do Brasil já não se restringem mais às atividades relacionadas à agropecuária ou agroindústria. Nas últimas décadas, o campo vem se transformando em um espaço múltiplo, com novas funções que extrapolam tais práticas e oferecem diferentes oportunidades de trabalho e renda.

+ Leia também o artigo O que é Neo-Ruralismo?

José Graziano
José Graziano da Silva, diretor-geral da FAO

Com as novas atividades rurais não agrícolas sendo exercidas pelas famílias que residem no campo, a realidade rural brasileira mudou. No Novo Rural, a produção agrícola representa apenas uma parte do trabalho e da renda. Hoje, por exemplo, um agricultor, sua esposa e filhos, além de criar suínos, também oferecem serviços de consultoria ambiental, transformam o açude em “pesque e pague” e organizam festas na paróquia da região.

É neste contexto de transformações que nasce o fenômeno da pluriatividade, caracterizado pela combinação de múltiplas ocupações, agrícolas e não agrícolas, assumidas pelos membros de uma mesma unidade familiar.

agroindústria familiar
Agroindústrias familiares: modelo de estrutura pluriativa

Uma série de fatores contribui para o surgimento dessas novas funções e da busca por outras fontes de rendas. A modernização da agricultura e dos sistemas agrários, a mudança de perfil no mercado de trabalho, a baixa remuneração, a interiorização das indústrias e o reconhecimento da sociedade para a importância da agricultura familiar são alguns dos fatores que podemos citar.

Aquela visão do campo como um lugar pacato onde a vida corre ao sabor do vento já não é mais a mesma… a pluriatividade, agora, é uma realidade irreversível. Há um conjunto de ocupações profissionais ligadas ao lazer, à prestação de serviços, ao beneficiamento de produtos, ao comércio e à organização dos agricultores, que tornaram a vida do campo muito mais dinâmica e até mesmo agitada! Ora, quem vive na roça também precisa de oficina mecânica, salão de beleza, cinema, papelaria, lanchonete…

artesanato_jequitinhonha
Artesanato como fonte extra de renda no campo

Existem ainda outros estudos que confirmam a importância da pluriatividade e da multifuncionalidade (conceito que aponta a agricultura como um estilo de desenvolvimento e não mero setor da economia) como fatores preponderantes para tal quadro de mudança. O Novo Rural é mais do que a “globalização chegando no campo” e engana-se quem o vê como o fim do rural como espaço bucólico e idealizado. O ambiente pluriativo e multifuncional elevam a renda das famílias, minimizam a sua sazonalidade, combatem o êxodo, diversificam a produção e movimentam a economia, gerando trabalho e fortalecendo a agricultura familiar.

Nesse contexto, o turismo rural surge como uma importante atividade que gera desenvolvimento regional e amarra toda essa conceituação em um exemplo real. Nesta perspectiva, a prática de trazer capital de fora para explorar negócios não funciona e há de se considerar o potencial das comunidades locais e as diversidades geográfica, cultural e ambiental dos territórios rurais.

turismo em vinícolas
Turismo rural: atividade que gera desenvolvimento regional

Ainda há muito a ser feito para termos no país um ambiente rural realmente próspero. Faltam – e como faltam! – políticas de urbanização, reforma agrária transparente, acesso a bens e serviços (educação, saúde…) e uma legislação que reconheça as novas ocupações rurais, como o peão de boiadeiro, o caseiro (é um trabalhador rural ou empregado doméstico?) e o criador de rãs, por exemplo, que ainda é considerado pecuarista. Por outro lado, esse Novo Rural não deixa de ser um estimulante espaço de mudança, com novas oportunidades e desafios, sejam eles agrícolas ou não.

+ Imagens:
Agroindústria familiar
José Graziano,
Turismo em vinícolas
Artesanato do Vale do Jequitinhonha
Jovens no trator

3 comentários sobre “O que é o Novo Rural?

  1. Gostei muito, nós que vivemos e temos nossas casas aberta para o turismo na Agricultura Familiar
    ver este parecer nos anima bastante, pois estes serviços alem de nos dar renda extra, nos coloca
    em um novo tempo que é a atualidade. Em uma boa prosa com o visitante nos faz ver que estamos longe das loucuras que é a vida nas grandes cidades, e assim valorizamos cada vez mais o nossa vida no campo.
    Obriga e um grande abraço
    Luzia e Luiz

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s