Dicas para um turismo consciente

mamangua08
Saco do Mamanguá (RJ)

Praticar um turismo que respeita o meio ambiente, favorece a economia local e o desenvolvimento social e econômico das comunidades. Essa é a proposta do Passaporte Verde, uma iniciativa do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma), em parceria com os ministérios do Meio Ambiente, Esportes, Turismo e Desenvolvimento Social.

O objetivo da iniciativa é estimular o turista a adotar uma atitude de consumo responsável, mostrando de que forma suas escolhas podem contribuir para a conservação do meio ambiente e para a melhoria da qualidade de vida nos destinos visitados.

chapada1
Chapada Diamantina (BA)

Além do Brasil, o projeto está presente também em países como a Costa Rica, Equador e África do Sul, e é referência na disseminação de informações sobre turismo sustentável.

O Passaporte Verde estimula a adoção de práticas sustentáveis no dia a dia, nas viagens a lazer ou a trabalho, nos passeios em feriados e fins de semana. Confira algumas dicas logo abaixo:

jalapão 05
Jalapão (TO)

  • Procure saber mais sobre o seu destino e busque roteiros que permitam conhecer a cultura e as belezas naturais e vivenciar o ritmo local;
  • Prefira hotéis que fiquem próximos aos locais que deseja conhecer. Assim você economiza em transporte e diminui a emissão de poluentes;
  • Tente não levar de casa nada que possa comprar no local em que visitará. Isso contribui com a geração de empregos, aumenta a renda dos moradores e valoriza os talentos locais;
  • Leve uma sacola retornável dobrável: ela vai ser útil para fazer compras e levar coisas à praia;
  • Mala inteligente: leve roupas que combinem entre si e dê preferência àquelas que não precisam ser passadas, assim você reduz a quantidade de malas e o consumo de energia;
  • Desligue tudo da tomada: cafeteiras, computadores, celulares, secadores de cabelo e outros equipamentos eletrônicos ligados na tomada, mesmo em estado de “stand by” continuam consumindo energia;
  • Cada turista consome quase 3 vezes mais água do que a média dos residentes. 60% de consumo de água nos hotéis são ligados à hospedagem. Peça para trocar toalhas e enxoval no hotel se for realmente necessário, essa medida simples já economiza um bocado de água;
  • Leve com você uma garrafa reutilizável, evite comprar garrafinhas de água, gerando mais resíduos;
  • Escolha restaurantes que possuem práticas sustentáveis como medidas para reduzir o desperdício de alimentos, que ofereçam pratos preparados com produtos locais e sazonais;
  • Em áreas naturais, inclusive na praia, não deixa evidências da sua passagem: não queime, nem enterre o lixo, traga-o de volta;
  • Algumas cidades no Brasil já têm sistema de aluguel de bicicleta. Também aproveite o transporte coletivo para vivenciar mais a cidade;
  • Aproveite as frutas da estação! São mais gostosas e têm o melhor preço. Experimente sucos das frutas típicas da região.

    + Com informações do site da Akatu.
    + Imagens: Saco do Mamanguá, Jalapão Chapada Diamantina.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s